Índices de regularidade na TAP são os normais para a época e em linha com padrões europeus

Os índices de regularidade na operação da TAP são absolutamente normais para a época do ano e mesmo melhores que a média da industria europeia da aviação civil, não existindo fundamento para a atual vaga de análises e comentários alarmistas e claramente especulativos.
 
A TAP realizou ao longo do mês de Agosto um total de 10.541 voos, com um índice de regularidade de 99,1 por cento, melhor que os 98,9 registados em 2013.
 
Entre voos cancelados e regressos ao ponto de partida a TAP registou 76 ocorrências em Agosto de 2013, contra 73 no mesmo período de 2014, apesar de ter efetuado mais 303 voos e transportado mais 105 mil passageiros.
 
“O cancelamento de voos é parte intrínseca de uma operação segura; não se cancelam voos por falta de segurança, mas por rigor de segurança, esta sim, a prioridade de todas as prioridades na transportadora aérea portuguesa”.
 
A TAP admite que as perturbações verificadas entre Junho e meados de Julho – consequência da chegada tardia de novos aviões, de algumas imobilizações mais prolongadas e da greve de zelo do sindicato dos pilotos – possam ter contribuído para exponenciar a atenção dos media e da opinião publica sobre o dia-a-dia da companhia, criando uma imagem que, neste momento, já nada tem a ver com a realidade.
 
Apesar de toda a especulação em torno da TAP, a companhia continuará a colocar acima de tudo a segurança dos seus passageiros, em todas as circunstâncias, valor que estes apreciam e premeiam como ilustram os contínuos aumentos de tráfego e melhoria dos resultados.

Tags:

Sobre nós

Transportadora aérea portuguesa.

Subscrever