TAP SOLICITA AOS PASSAGEIROS COM RESERVAS QUE CONTACTEM A COMPANHIA

A greve marcada pelo SNPVAC, sindicato que representa os tripulantes de cabina, para os próximos dias 30 de outubro (5ª feira) e 1 de novembro (sábado) provocará significativa perturbação na operação da companhia nestes dias.
 
De momento a TAP está em condições de garantir apenas a realização dos voos operados pela PGA e dos voos declarados pelo Conselho Económico e Social como “serviços mínimos”, que podem ser consultados no nosso site: http://www.flytap.com/Portugal/pt/informacoes-servicos/Informacoes/Informacao

Nestas circunstâncias, recomenda-se aos nossos passageiros que contactem os nossos serviços com o objetivo de mudar as suas reservas para voos que, ainda que operando noutras datas (fora dos períodos da greve), tenham garantias de realização. Os serviços da TAP têm estado a contactar, por iniciativa própria, todos os passageiros dos quais temos contactos. Falta, porém, contactar outros passageiros, cuja reserva foi feita através de agências de viagens ou de outros canais, e dos quais não dispomos  dos contactos.
 
Nestes dois dias de greve, a TAP realizaria em média cerca de 320 voos em cada um dos dias. No momento em que foi conhecida a greve, estavam reservados um total 55 mil passageiros no total dos dois dias, número esse que à data de hoje baixou para cerca de 30.000.
 
A TAP lamenta a situação e tudo tem estado a fazer para minimizar os inconvenientes causados aos seus passageiros.
 
Mais informações:
Carina Correia, contactos: 218416976 / 961867371
Lúcia Cavaleiro, contactos: 218416975 / 965382682
 

Tags:

Sobre nós

Transportadora aérea portuguesa.

Subscrever