TAP VOA HOJE PARA MAPUTO EM ESTILO RETRO

Passageiros do TP283 convidados a viajar no tempo, rumo aos glamorosos anos 70

 

Chef Vítor Sobral, presente a bordo, assina menu evocativo da década

A TAP surpreendeu hoje os Passageiros do TP283, a viajar entre Lisboa e Maputo, com mais uma experiência imersiva de regresso ao passado. Este é já o sexto voo retro da TAP, operado pelo avião “Portugal”, aeronave que a Companhia pintou com as cores e iconografia da TAP da década de 70. O Chef Vítor Sobral, consultor gastronómico da Empresa, será o responsável pelas refeições servidas a bordo.

Maputo é um dos destinos mais antigos da TAP, cuja operação regular teve início a 31 de dezembro de 1946. A “Linha Imperial” ligava Lisboa a Lourenço Marques, a antiga Maputo, com escala em Luanda, numa rota que totalizava 24 540 quilómetros de extensão.

Setenta anos depois, a TAP recua quarenta e oferece aos seus Clientes uma viagem no tempo, que vai desde os balcões de check-in ao entretenimento a bordo. Aos Passageiros deste voo foram oferecidas etiquetas de bagagem e bolsas para cartões de embarque retro , à chegada ao aeroporto, bem como um diploma de viajante no tempo. A bordo, os Clientes foram recebidos por uma tripulação vestida com uma das mais emblemáticas fardas da TAP, criada pelo estilista francês Louis Féraud. Já no respetivo lugar, uma nova surpresa entregue a todos os Passageiros: a icónica bolsa da TAP dos anos 70 que, em Classe Executiva, se encontra preenchida com um confortável pijama, água-de-colónia Lavanda da Ach. Brito, creme de mãos Benamôr e Pasta Dentífrica Couto. O famoso jogo “Sabichão”, da Majora, com uma página de perguntas e respostas exclusivamente dedicada à TAP, irá entreter miúdos e graúdos durante esta viagem, uma oferta da TAP também em Classe Executiva.

Uma vez mais, as refeições vão recriar fielmente o que se servia a bordo nos anos 70. Vítor Sobral apresenta aos Passageiros TAP Bife do Lombo à Portuguesa e Bacalhau à Zé do Pipo. Nas entradas, Salada de Camarão e Terrina de Faisão, esta última apenas em Classe Executiva. O final da refeição será adoçado com chocolates Regina e com um Parfait de Banana com Chocolate.

Marcas como a Coca-Cola e a cerveja Sagres marcam a sua presença a bordo, servidas em garrafas de vidro e com o rótulo dos anos 70. Também um Porto Graham’s colheita de 1972 será servido no fim da refeição, em Classe Executiva. A tripulação irá ainda convidar todos os Clientes a participar no “jogo dos furos” dos chocolates Regina, experiência que será, com certeza, uma novidade para os mais pequenos e uma nostálgica diversão para os adultos. No entretenimento a bordo, será possível encontrar filmes da década de 70 e um canal de música do mesmo período.

A TAP pretende continuar a surpreender os Passageiros que viajam no avião “Portugal” com mais voos evocativos dos anos 70. Recorde-se que a Companhia realizou o primeiro a 14 de julho deste ano, entre Lisboa e Toronto, seguindo-se os voos retro Porto - São Paulo, Lisboa - Miami, Lisboa - Rio de Janeiro e Lisboa - Luanda.

Tags:

Sobre nós

Transportadora aérea portuguesa.

Subscrever

Media

Media