TERMINAL 2 DO AEROPORTO DE HEATHROW ELEITO ‘AEROPORTO DO ANO’

O Aeroporto de Heathrow em Londres e a Star Alliance conquistaram o galardão de ‘Aeroporto do Ano’ atribuído na 41ª edição dos Prémios de Desempenho da Indústria promovida pela reputada revista da especialidade “Air Transport World”. Esta distinção reconhece o trabalho desenvolvido conjuntamente no novo Terminal 2, o Queen’s Terminal do aeroporto londrino de Heathrow, aberto em Junho do ano passado, e foi entregue a Andy Garner, Director de Desenvolvimento de Negócio Companhias Aéreas do Aeroporto de Heathrow, e a Mark Schwab, CEO da Star Alliance, em cerimónia realizada em Washington na noite de 25 Fevereiro.
 
“O Aeroporto de Heathrow distinguiu-se efetivamente pelo seu excecional projeto de redesenho do Terminal 2, demonstrando claramente como podem alcançar-se excelentes resultados através do trabalho conjunto de aeroportos e companhias aéreas. A Star Alliance e o aeroporto de Heathrow ergueram juntos uma aerogare maravilhosa que oferece enormes vantagens de utilização aos seus passageiros”, afirmou Karen Walker, Diretora da revista ATW.
 
O prémio é um dos primeiros conquistados pelo novo Queen’s Terminal, inaugurado no último Verão. As suas modernas instalações foram especialmente concebidas em conjunto pelo Aeroporto de Heathrow, pela Star Alliance e as companhias da aliança com o propósito de criarem um hub único de superior qualidade num dos mais importantes aeroportos internacionais. O design do edifício, da autoria do arquiteto espanhol Luis Vidal, foi criado a pensar numa estrutura de utilização simples e intuitiva, com uma atmosfera luminosa e arejada, traduzindo-se num investimento de 2,5 mil milhões de libras esterlinas, que faz parte de um projeto global de melhoria do Aeroporto de Heathrow que importou, nos últimos cinco anos, num custo total da ordem dos 11 mil milhões de libras.
 
Na ocasião, Mark Schwab afirmou: “ Em Junho passado, iniciámos uma nova era para os nossos clientes, para as companhias da Star Alliance e seus trabalhadores no Aeroporto de Heathrow. Os comentários que temos recebido até agora confirmam que oferecemos aos nossos clientes uma experiência de viagem de superior qualidade, criámos novas oportunidades de negócios para as companhias da nossa aliança e proporcionamos aos nossos colaboradores um melhor ambiente de trabalho. É maravilhoso constatar que os nossos esforços conjuntos culminam hoje na atribuição do prestigiado prémio de ‘Aeroporto do Ano’ da Air Transport World, naquela que é a primeira vez de sempre em que este prémio é atribuído conjuntamente a um aeroporto e a uma aliança de companhias aéreas.”
 
Por seu turno, Andy Garner disse: “Estamos muitíssimo felizes com a conquista deste cobiçado prémio. Trata-se de uma distinção de enorme valor no quadro da aviação comercial e o nosso êxito resulta de uma relação de forte colaboração entre mais de 180 organizações, especialmente a Star Alliance, de modo a levarmos a cabo um projeto desta complexidade com sucesso. Os nossos passageiros estão satisfeitos com o resultado – as avaliações da qualidade de serviço do nosso aeroporto demonstram que se o terminal 2 fosse um aeroporto por direito próprio nós atingiríamos as melhores avaliações de serviço ao cliente da Europa. Não poderíamos estar mais orgulhosos do que estamos com o que conseguimos alcançar até aqui  e este prémio é um importante passo a caminho de concretizarmos a nossa ambição de nos tornarmos num dos melhores aeroportos do mundo.”
 
Conseguir acomodar a operação das companhias membro da Star Alliance num único terminal em Heathrow assegura a essas companhias a possibilidade de oferecerem aos mais de 12 milhões de passageiros que utilizam o aeroporto anualmente uma experiência de viagem com significativas melhorias, incluindo tempos de ligação mais reduzidos. A mais recente tecnologia é utilizada em todo o terminal com vista a dar aos passageiros o controlo total da sua viagem. A área de check-in foi especialmente concebida para proporcionar rapidez e eficiência. As companhias aéreas estão agrupadas em zonas, e estão disponíveis 81 dispositivos de check-in self service para utilização de qualquer passageiro que queira fazer check-in e/ou imprimir a etiqueta de bagagem antes de entregar a respetiva bagagem de porão a um agente no balcão de entrega rápida. Para os passageiros de Primeira classe, Business ou passageiros Star Alliance Gold, estão ao dispor balcões tradicionais para check-in e entrega de bagagem, com passagem rápida pela segurança através da opção Gold Track . Oito das 12 portas de embarque no Terminal 2 Satellite dão acesso a embarque automático, o que significa que os passageiros passam simplesmente através de uma barreira mecânica para poderem embarcar nos respetivos voos.
 
São três os lounges disponíveis para os passageiros  Premium, incluindo os de estatuto Gold da Star Alliance, localizados no edifício principal do terminal e no satellite, de modo a que os passageiros com acesso aos lounges possam usufruir do espaço perto das portas de embarque. Está prevista a abertura de um quarto lounge nos próximos meses.
 
O terminal disponibiliza também lojas de algumas das melhores marcas britânicas, designadamente a John Lewis, Cath Kidston e Mulberry.
 
As companhias da Star Alliance que operam em Heathrow são a Aegean Airlines, Air Canada, Air China, Air India *, Air New Zealand, ANA, Asiana Airlines, Austrian, Avianca, Brussels Airlines, Croatia Airlines, EGYPTAIR, Ethiopian Airlines, EVA Air, LOT Polish Airlines, Lufthansa, Scandinavian Airlines, Singapore Airlines, South African Airways, SWISS, TAP Portugal, Turkish Airlines, THAI e United.
 
* Presentemente a operar no terminal 4
 
Nota: na foto em anexo, Kurt Hofmann, correspondente da ATW e Linda Blachly, Editora de Online da ATW, entregam o prémio “Aeroporto do Ano” a Andy Garner, Airline Business Development do aeroporto de Heathrow e Mark Schwab, CEO da Star Alliance.
 
Acerca da Star Alliance
A rede da Star Alliance foi constituída em 1997 como a primeira aliança de companhias aéreas verdadeiramente global, oferecendo alcance mundial, reconhecimento e consistência de serviço aos viajantes internacionais. A sua aceitação pelo mercado tem sido reconhecida com a atribuição de numerosos prémios, designadamente, o de Liderança do Mercado da Air Transport World e o de Melhor Aliança de Companhias Aéreas, atribuído pela Revista Business Traveller e pelo Skytrax. Integram a aliança as seguintes companhias: Adria Airways, Aegean Airlines, Air Canada, Air China, Air India, Air New Zealand, ANA, Asiana Airlines, Austrian, Avianca, Brussels Airlines, Copa Airlines, Croatia Airlines, EGYPTAIR, Ethiopian Airlines, EVA Air, LOT Polish Airlines, Lufthansa, Scandinavian Airlines, Shenzhen Airlines, Singapore Airlines, South African Airways, SWISS,  TAP Portugal, Turkish Airlines, THAI e United. A integração da Avianca Brasil  está neste momento em curso. Globalmente, a rede da Star Alliance oferece mais de 18.500 voos diários para 1.321 aeroportos em 193 países.
 
Acerca da TAP Portugal
A TAP Portugal é a companhia aérea Portuguesa líder de mercado, que celebra 70 anos em 14 de Março deste ano, e é membro da Star Alliance, a maior aliança verdadeiramente global do mundo, desde 2005. A operar desde 1945, a companhia tem o seu Hub em Lisboa, plataforma privilegiada de acesso na Europa, na encruzilhada com África, América do Norte, Central e do Sul. A Rede da TAP, líder na operação entre a Europa e o Brasil, cobre 84 destinos em 35 países a nível mundial. Operando em média cerca de 2.500 voos por semana, a TAP dispõe de uma moderna frota de 61 aviões de fabrico Airbus, mais 16 ao serviço da PGA, sua companhia regional, totalizando 77 aeronaves. Prosseguindo uma orientação prioritariamente ireccionada para o Cliente, a TAP investe continuamente em inovação e na utilização das Novas Tecnologias, oferecendo um produto e serviços de elevada qualidade, segurança e fiabilidade. Eleita a Companhia Aérea da Europa  Líder para África e Companhia Aérea da Europa Líder para a América do Sul em 2014, pelos WTA, World Travel Awards, foi também eleita Companhia Aérea Líder Mundial para África em 2011 e 2012, pelos WTA,  e detém igualmente o título de Companhia Aérea Líder Mundial para a América do Sul, dos WTA, em 2009, 2010, 2011 e 2012. Eleita pela revista britânica Business Destinations como a Companhia Aérea com melhor Classe Executiva – América do Sul, em 2013, foi também eleita a Melhor Companhia Aérea na Europa em 2011, 2012 e 2013, pela prestigiada revista “Global Traveller” dos EUA, e foi distinguida pela UNESCO e pela International Union of Geological Sciences com o Prémio Planeta Terra IYPE 2010, na categoria Produto Sustentável Mais Inovador. Considerada a Melhor Companhia Aérea pela revista “Condé Nast Traveller em 2010, foi eleita a Melhor Empresa Portuguesa na área do Turismo em 2011 e também a Companhia Aérea com Melhor Reputação em Portugal, pelo Reputation Institute em 2014. Para mais informação, veja o site www.flytap.com

Tags:

Sobre nós

Transportadora aérea portuguesa.

Subscrever

Media

Media