Allianz lucra 3 mil milhões de euros no primeiro trimestre de 2019

  • Receitas internas cresceram 7,5% no primeiro trimestre;
  • Lucro operacional cresceu 7,5%, para 3 mil milhões de euros;
  • Rendimento líquido atribuído aos acionistas alcançou 2 mil milhões de euros;
  • Índice de Solvência II de 218%;
  • Resultados do primeiro trimestre asseguram que o Grupo Allianz está no caminho certo para atingir metas de 2019;
  • Perspetiva de lucro operacional da Allianz para 2019 em cerca de 500 milhões de euros.

O Grupo Allianz continua o seu percurso de sucesso iniciado em 2018, com um sólido primeiro trimestre em 2019. Os resultados demonstram a resiliência de todos os segmentos de negócio e o progresso contínuo na execução do Plano de Renovação.

O crescimento da receita interna, que ajusta para efeitos cambiais e de consolidação, foi de 7,5%. As receitas totais aumentaram 9,1% para 40,3 mil milhões de euros, em comparação com os 36,9 mil milhões de euros registados no período homólogo de 2017. O lucro operacional cresceu 7,5% para 3 mil milhões de euros, impulsionado principalmente pelo seguro de Propriedade e Acidentes, que registou menos pedidos de catástrofes naturais, melhor desenvolvimento dos mesmos, redução do rácio de despesas e um forte crescimento dos prémios. O lucro operacional do segmento de seguros Vida/Saúde cresceu ligeiramente, no qual as taxas e as verificações favoráveis compensaram bastante uma menor margem de investimento. Um aumento das despesas devido a investimentos no crescimento dos negócios levou a um ligeiro declínio no lucro operacional do segmento de negócios de Gestão de Ativos.

O rendimento líquido atribuível aos acionistas cresceu 1,6% para 2 mil milhões de euros. O lucro operacional mais elevado foi em grande parte compensado por menores receitas de investimentos não operacionais e, em menor escala, impostos mais elevados.

O lucro líquido básico por ação (EPS) aumentou 4,5%, para 4,65 euros. A rentabilidade dos capitais próprios (RoE) aumentou 13,7%, face aos 13,2% registados em 2018. A capitalização do Índice de Solvência II atingiu 218% no final deste trimestre, em comparação com os 229% registados no final de 2018, impulsionada principalmente pelos efeitos do programa de recompra de ações e seguindo as mudanças regulamentares e do modelo anunciadas anteriormente.

A 14 de fevereiro de 2019, a Allianz anunciou um novo programa de recompra de ações de até 1,5 mil milhões de euros. 2,8 milhões de ações foram adquiridas até 31 de março de 2019, representando 0,7% do capital em circulação.

A Allianz alcançou resultados fortes no primeiro trimestre, colocando o Grupo no caminho certo para cumprir suas metas anuais para 2019”, afirmou Oliver Bäte, CEO da Allianz SE. “Os nossos clientes procuram qualidade e serviços diversificados, algo em que investimos constantemente. Apesar da volatilidade económica e política, estamos muito bem posicionados para continuar a desenvolver o nosso negócio.”

Os resultados financeiros do grupo Allianz relativos ao 1º trimestre de 2019 podem ser consultados aqui.

Sobre o Grupo Allianz

O Grupo Allianz é uma das principais seguradoras e gestoras de ativos do mundo, com mais de 88 milhões de clientes comerciais e corporativos. Os clientes Allianz beneficiam de uma ampla gama de serviços de seguros pessoais e corporativos, que vão desde seguros de propriedade, vida e saúde a serviços de assistência, seguros de crédito e seguros comerciais globais. A Allianz é um dos maiores investidores do mundo, que gere atualmente mais de 660 mil milhões de euros em nome dos seus clientes de seguros, enquanto gestores de ativos Allianz Global Investors e PIMCO administram mais de 1,4 milhões de milhões de euros em ativos de terceiros. Graças à integração sistemática de critérios ecológicos e sociais em negócios e decisões de investimento, a Allianz ocupa a posição líder para seguradoras no Índice Dow Jones de Sustentabilidade. Em 2017, mais de 140.000 colaboradores em mais de 70 países atingiram receitas totais de 126 mil milhões de euros e um lucro operacional de 11 mil milhões de euros para o Grupo.

Sobre a Allianz Portugal

A Allianz Portugal integra o Grupo Allianz, um dos maiores grupos financeiros do mundo, presente em mais de 70 países e com cerca de 142.000 colaboradores. Mais de 90 milhões de clientes, a nível mundial, confiam no seu know-how e sentido de responsabilidade. A Allianz Portugal tem, também, como acionista e principal parceiro estratégico, o Banco BPI. Posiciona-se no mercado nacional de forma inovadora, apostando no desenvolvimento de produtos de acordo com as necessidades de segurança dos seus Clientes, na expansão da sua rede de distribuição e na melhoria da prestação de Serviço. Conta atualmente com cerca de 600 colaboradores e mais de 6.000 mediadores em todo o país. Desde Dezembro de 2004, a Allianz Portugal é uma seguradora com Certificação da Qualidade ISO 9001, que abrange a maior parte dos seus produtos e serviços.

Tags:

Sobre nós

A Allianz Portugal integra o Grupo Allianz, um dos maiores grupos financeiros do mundo, presente em mais de 70 países e com cerca de 145.000 colaboradores. Mais de 60 milhões de clientes, a nível mundial, confiam no seu know-how e sentido de responsabilidade. A Allianz Portugal tem, também, como acionista e principal parceiro estratégico, o Banco BPI. Posiciona-se no mercado nacional de forma inovadora, apostando no desenvolvimento de produtos de acordo com as necessidades de segurança dos seus Clientes, na expansão da sua rede de distribuição e na melhoria da prestação de Serviço. Conta atualmente com cerca de 600 colaboradores e mais de 4.500 mediadores em todo o país. Desde Dezembro de 2004, a Allianz Portugal é uma seguradora com Certificação da Qualidade ISO 9001, que abrange a maior parte dos seus produtos e serviços.

Subscrever

Media

Media