NaTOUReza: projeto de investigação na área do Turismo apresentado esta manhã no Salão Nobre da Câmara Municipal

O Presidente da Câmara Municipal, José Manuel Bolieiro, destacou, esta manhã, a importância da realização de estudos de investigação científica para a descoberta de novas oportunidades na área do Turismo e para a adaptação entre a procura e a oferta.

O edil, que falava no workshop de apresentação dos resultados do projeto de investigação e desenvolvimento em contexto empresarial NaTOUReza, desenvolvido pela Fundo de Maneio, apelou ao “impulso cívico ou empreendedor da iniciativa privada” no que respeita à aposta na investigação cientifica, congratulando-se com a iniciativa da Fundo de Maneio de definir um projeto e apresentá-lo ao mercado, ao invés de aguardar pela contratação pública. 
O autarca pontadelgadense afirmou que o maior constrangimento para o turismo em Ponta Delgada, em São Miguel e nos Açores – a acessibilidade – está a ser progressivamente ultrapassado e alertou para a necessidade constante de assegurar boas experiências a quem nos visita e dar conteúdos verticais positivos à notoriedade do destino.

Apontou a necessidade de combater a contemplação ignorada e ignorante. “É preciso gerar informação para que a experiência seja enriquecedora e aumente o conhecimento do visitante”, sustentou o Presidente, defendendo, também, a aposta no digital, instrumento fundamental no planeamento das viagens, e na credibilização da informação.

O Presidente expressou a convicção de que não há um risco atual de overtourism em Ponta Delgada e nos Açores, mas, ressalvou, que importa fixar limites e estratégias para que isto não venha a acontecer.

O Turismo esteve em debate esta manhã no Salão Nobre da Câmara Municipal de Ponta Delgada, um espaço que Bolieiro quer potenciar em prol de eventos intelectuais e de reflexão.

Na ocasião, Gualter Couto, da Fundo de Maneio, salientou a importância do NaTOUReza para quem quer investir nos Açores e no setor do Turismo e falou de uma realidade antes de 2015 e depois desta data com a liberalização do espaço aéreo.  

O projeto de investigação e desenvolvimento em contexto empresarial contou com o importante contributo da Câmara de Ponta Delgada, que disponibilizou e autorizou o tratamento estatístico das respostas aos inquéritos implementados aquando da elaboração do Plano Estratégico de Desenvolvimento Turístico de Ponta Delgada, apresentado em 2017.

Os documentos fornecidos pela autarquia permitiram, pois, um conhecimento mais aprofundado do comportamento, motivações e satisfação dos turistas nos Açores.

A abertura do workshop esteve a cargo do Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, José Manuel Bolieiro, seguindo-se a apresentação dos resultados do projeto NaTOUReza pela Fundo de Maneio.

O debate sobre a temática “Turismo de Natureza e Aventura nos Açores: a perspetiva empresarial” contou com as intervenções de Carlos Santos (Presidente do Observatório do Turismo dos Açores), Luís Nunes (Inovtravel/Azores Geteways) e Rosa Costa (Câmara Municipal de Ponta Delgada) e foi moderado por Pedro Pimentel.

O evento apresentou-se como mais um contributo para a divulgação e debate de relevantes temas para a economia e sociedade açorianas.

NaTOUReza é um projeto cofinanciado pela União Europeia através do FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional desenvolvido pela Fundo de Maneio em interação com CEEAplA.

Tem como principal objetivo estudar as dinâmicas da oferta e da procura nos segmentos do turismo de natureza e aventura, perspetivando o desenvolvimento de novos produtos e serviços para esses mercados, que melhorem e consolidem, ao longo da cadeia de valor, o desempenho competitivo, a utilização de tecnologia, as práticas de sustentabilidade e a experiência turística.

Para além do desenvolvimento de novo conhecimento, são  apresentados vários resultados de cariz científico, técnico e tecnológico, incluindo um portal com dados do mercado (com informação sobre as empresas de animação turística dos Açores), uma aplicação gamificada para dispositivos móveis para experiências de aventura na natureza, um modelo de base quantitativa de avaliação da competitividade de destinos turísticos, um modelo de auditoria funcional a empresas de animação turística, um guia de boas práticas de green business, dashboards com divulgação de dados e resultados, artigos publicados e submetidos a revistas internacionais avaliada por pares, apresentações em conferências internacionais, bases de dados e relatórios internos.

Tags:

Sobre nós

Câmara Municipal Ponta Delgada.

Subscrever

Media

Media