Canal HISTÓRIA estreia em exclusivo “OS MAIORES MISTÉRIOS DA HISTÓRIA”

Report this content

Comunicado de Imprensa
20 de janeiro de 2021
A partir de quarta-feira dia, 3 de fevereiro, às 22h15

Canal HISTÓRIA estreia em exclusivo “OS MAIORES MISTÉRIOS DA HISTÓRIA”

Narrado e apresentado pelo icónico ator Laurence Fishburne, que interpretou Morpheus em Matrix, série lança nova luz sobre alguns dos mistérios mais importantes da História dos últimos tempos que impactaram o mundo.

O Canal HISTÓRIA estreia a partir do dia 3 de fevereiro, às 22h15, nova série de investigação – “Os Maiores Mistérios da História” -, narrada pelo ator Laurence Fishburne, (“Black-ish,” John Wick, The Matrix, Apocalypse Now e Boyz N The Hood), nomeado para um Óscar e vencedor de vários Emmys, que desafiará tudo sobre alguns dos mistérios mais famosos da História recente.

Os episódios iniciais de não-ficção irão focar-se em mistérios icónicos que cativaram milhões de pessoas e tiveram um impacto cultural muito forte em todo o mundo.

Qual foi a verdadeira razão do naufrágio do Titanic? Como conseguiu Shackleton regressar da Antártida com toda a tripulação, depois do naufrágio do seu barco “Endurance”? Onde desapareceu D.B. Cooper? Será que John Wilkes Booth viveu?

Utilizando novos focos e com ajuda de provas inéditas, como diários e testes avançados de ADN, a série tentará desvendar, ao longo de sete episódios, informações até agora desconhecidas sobre alguns dos episódios mais famosos e enigmáticos da História.

"Estou entusiasmado por voltar a ser convidado pela equipa do Canal HISTÓRIA", comenta Fishburne. "Os detalhes por detrás destes épicos acontecimentos históricos continuam a ser debatidos universalmente até aos dias de hoje e 'Os Maiores Mistérios da História' proporcionarão uma nova clareza sobre estes mistérios maiores do que a vida", acrescenta.

Incríveis descobertas dentro dos "Os Maiores Mistérios da História" incluem uma caixa com mais de 100 anos atestada com as descobertas investigativas de Lord Mersey, o homem encarregado de conduzir o inquérito oficial sobre o afundamento do Titanic, e um diário pessoal do Major Jesse Marcel, a primeira pessoa a investigar os destroços em Roswell, acredita-se que NM contenha pistas codificadas sobre o que realmente aconteceu naquela noite de 1947. Além disso, pela primeira vez, a família de John Wilkes Booth está a libertar 60 caixas de documentos familiares selados e a permitir que seja facilitado um teste de ADN que pode conter as respostas para saber se ele realmente morreu num incêndio após o assassinato de Abraham Lincoln ou se o próprio fingiu a sua morte, como muitos acreditam.

“Os Maiores Mistérios da História” mudará a forma como encaramos a História tal como a conhecemos, ao mesmo tempo que suscitará novas e convincentes conversas.

SINOPSES

Os Indícios Perdidos do “Titanic”
3 de fevereiro, às 22h15

Durante 108 anos, uma caixa escondida a ganhar pó numa mansão inglesa pode conter indícios que reescreverão a mais famosa catástrofe marítima de sempre. Essa caixa guarda as notas pessoais de Lorde Mersey, o respeitado jurista e político britânico encarregue de investigar o naufrágio do “Titanic”, em 1912. Obtivemos permissão para a abrir... pela primeira vez na História. A caixa contém informação sobre a viagem, incluindo novas perspetivas sobre os erros fatais alegadamente cometidos pelo comandante e pela sua tripulação.

A Caça ao Navio de Shackleton
10 de fevereiro, às 22h15

Em 1914, Sir Ernest Shackleton liderou uma expedição à Antártida, mas, pouco depois da chegada, o seu Shackleton, “The Endurance”, foi destruído pelos glaciares em movimento, e ele teve de orientar 27 homens na tundra, numa batalha épica pela sobrevivência. A luta de Shackleton contra as probabilidades e o seu empenho em salvar os seus homens transformaram-no numa lenda. A sepultura do navio permanece um dos maiores mistérios polares. O arqueólogo marinho e perito em naufrágios Mensun Bound lidera uma nova expedição pioneira nos mares gelados, em busca do navio perdido de Shackleton.

A Fuga de John Wilkes Booth
17 de fevereiro, às 22h15

Foi o ator cujo papel mais célebre foi o de assassino de um presidente. Mas seria John Wilkes Booth também um escapista? Ter-se-á evadido à justiça, vivendo ainda décadas depois de matar Abraham Lincoln? Pela primeira vez, os Booth partilham as histórias da família e o que creem ser um indício da fuga do assassino, que passou de geração em geração.

A Derradeira Caça a DB Cooper
24 de fevereiro, às 22h15

Com mais de 7.500 horas de investigação ao mistério de DB Cooper, o perito Eric Ulis crê ter encontrado o verdadeiro local onde Cooper aterrou depois do seu salto de para-quedas. Ulis reuniu também uma equipa de especialistas para explorar o território virgem do estado de Washington – reserva natural protegida e interdita pelo governo federal dos EUA – em busca de vestígios que o homem tenha deixado. Munido de novas pistas relativas à identidade de Cooper, Eric trabalha em estreita colaboração com um agente do FBI reformado, investigando um homem ainda vivo que pode muito bem ser o famigerado DB Cooper.

Roswell: O Diário
3 de março, às 22h15

Um diário encriptado desencadeia uma investigação sem precedentes à alegada queda de um OVNI em Roswell, Novo México, em 1947. O major Jesse Marcel – primeiro oficial a chegar ao local – acreditou até morrer que uma nave extraterrestre caíra no local e que o Governo encobrira o facto. Agora, a família Marcel divulgou um diário encontrado entre os bens pessoais do major, que pode pistas em código para a verdade por detrás de Roswell. O ex-agente da CIA Ben Smith embarca numa nova investigação que inclui uma análise criptográfica do diário, um avançado estudo geológico do local, e entrevistas a testemunhas que nunca falaram publicamente. O que, de facto, caiu em Roswell? O Governo dos EUA afirmou tratar-se de um balão meteorológico, alterando posteriormente a versão. Outros falaram de cadáveres alienígenas e de intimidação extrema por parte do Estado.

Roswell: O Memorando
10 de março, às 22h15

O investigador Ben Smith desloca-se à terra de Jesse Marcel, da Costa do Golfo do Luisiana, para falar com familiares que revelam dados que sustentam a sua história de um encobrimento governamental que o próprio nunca tornou pública. Smith fala com Leslie Kean, o repórter de investigação autor do artigo no “The New York Times” sobre um programa clandestino do Governo dos EUA para o estudo de OVNI. Smith analisa também o mistério do diário, examinando amostras caligráficas para determinar se poderá ter sido escrito por um dos colegas de Marcel que posteriormente diria que recebera ordens para supervisionar o encobrimento militar. De volta à vila do major, Smith fala com um homem que jura que Marcel lhe confidenciou a existência de cadáveres alienígenas – algo que nunca dissera à imprensa nem à família. Chegam os resultados das análises ao solo, ao metal e às caligrafias, e Smith partilha o que revelam com os netos de Marcel, que creem que o avô dizia a verdade.

Roswell: O Escritor
17 de março, às 22h15

A investigação de um ex-agente da CIA ao acidente de Roswell atinge um ponto crítico, quando o misterioso diário encontrado entre os bens pessoais do major Jesse Marcel é posto à prova. Como funcionário dos Serviços Secretos militares, Marcel foi o primeiro oficial a chegar ao local. O investigador Ben Smith é levado a um local onde alegadamente estão os restos do objeto voador, e um arqueólogo local encontra indícios de um possível encobrimento militar. Um grande criptógrafo continua a tentar decifrar o diário, que pode estar escrito num código pessoal e conter informações sobre o que aconteceu em Roswell. E testemunhas descrevem uma série de acontecimentos bizarros em torno do lendário acidente, ao passo que uma nova tecnologia incrível tenta ler palavras numa fotografia com 70 anos que pode conter pistas para o mistério. Terá uma nave extraterrestre caído em Roswell?



Canal HISTÓRIA
HISTÓRIA é o único canal de documentários com produção própria em Portugal, que procura despertar a curiosidade do espectador, levando-o à profundidade das histórias que definem o esforço humano.
Um novo ponto de vista que inclui provas e teorias que podem mudar o nosso pensamento, proporcionando conhecimento e sentido, aos feitos que têm transformado o mundo. Produções internacionais de grande sucesso como ‘World Wars’, ‘A Maldição de Oak Island’ ou ‘Bárbaros’ e as melhores produções próprias de séries como ‘Templários’,
‘As Faces de Fátima’ ou ‘Portugal Desconhecido’, fazem parte da oferta de conteúdos que o HISTÓRIA emite no nosso país.

Produzido pelo The History Channel Iberia, uma joint-venture entre a AMC Networks International Southern Europe e Hearst, o HISTÓRIA é uma marca de prestígio internacional que está disponível em mais de 160 países e que chega a mais de 330 milhões de espectadores em todo o mundo. O canal é distribuído em Portugal no MEO (posição 125), NOS (posição 112), NOWO (posição 24) e Vodafone (posição 135). Além do HISTÓRIA, o The History Channel Iberia também transmite, em Portugal, o Crime + Investigation e o BLAZE.

Tags:

Subscrever

Media

Media