Crime + Investigation™ estreia em exclusivo uma programação especial dedicada a CRENÇAS PERIGOSAS

  • O Crime + Investigation™ lança pela primeira vez um evento global de programação, com emissão simultânea em mais de 100 países. Com início a 18 de novembro, dia do 40º aniversário do Massacre de Jonestown, até 24 do mesmo mês, a partir das 21h, os espetadores têm acesso exclusivo ao fascinante e desconhecido mundo das seitas, com mais de 28 horas de novos conteúdos.

Baseado no seu legado de séries dedicadas aos maiores crimes de sempre, o Crime + Investigation™ anuncia “Crenças Perigosas”, um especial de programação a nível global, que será emitido entre os dias 18 e 24 de novembro, a partir das 21h. Durante sete dias, o canal emite estreias exclusivas de conteúdos originais, assim como estreias de temporada de algumas das maiores séries de sucesso. Os canais Crime + Investigation™ espalhados pelo mundo vão dar início ao evento, no dia do 40º aniversário do Massacre de Jonestown.

Os espetadores terão a oportunidade de conhecer em primeira-mão as vítimas e os líderes que fizeram parte de algumas das organizações mais controversas e fascinantes de sempre, que continuam a existir atualmente.

O primeiro evento global criado pelo Crime + Investigation™ vai ser emitido em mais de 100 territórios em todo o mundo, incluindo os Estados Unidos da América, Canadá, Reino Unido, Polónia, África do Sul, Itália, Espanha, Portugal e Sudeste Asiático. Focado em cultos e crenças perigosas de todo o mundo, a iniciativa começa com a emissão do documentário “Massacre de Joneswtown” e de “Crenças Extremas”, protagonizado por Elizabeth Vargas, jornalista norte-americana vencedora de um Emmy.

Crenças Extremas

Uma pesquisa sobre as seitas mais perigosas dos EUA e como estas utilizam a sua influência, aproveitando-se do desespero de pessoas vulneráveis para criar poderosos sistemas de crenças, muitas vezes destrutivos. Esta série, conduzida pela jornalista de investigação, Elizabeth Vargas, e juntamente com antigos membros de organizações controversas, analisa e revela os segredos de cada uma. Em cada episódio, uma visão envolvente de um grupo atualmente a operar, através do olhar de antigos devotos e da perspetiva de crentes e líderes que ainda estão nas organizações.

De 18 a 24 de novembro, às 22h25

O Massacre de Jonestown

18 de novembro de 1978, data do “maior suicídio coletivo da história”, onde mais de 918 pessoas perderam a vida. 40 anos depois, ainda há perguntas sem respostas. Este poderoso documentário revela ainda uma perspetiva inédita de quatro mulheres, que quase passavam despercebidas, e que estiveram por detrás do Massacre de Jonestown, na Guiana. Um suicídio em massa planeado não só pelo líder do culto, Jim Jones, mas também pelo seu círculo mais próximo de mulheres, a sua esposa Marceline Jones e as suas amantes Carolyn Layton, Maria Katsaris e Annie Moore. Terão sido estas mulheres vítimas de um culto ou elas próprias autoras de um dos mais letais suicídios em massa?

Domingo, 18 de novembro, 23h05

 

Salvados pela fé?

O realizador Tom Dumican investiga uma seita religiosa do Idaho, conhecida como “Os Seguidores de Cristo”, que acredita na cura pela fé e recusa o uso de medicamentos, mesmo no tratamento de crianças. Estas práticas resultaram em inúmeras mortes nas últimas décadas, incluindo centenas de crianças. À medida que a investigação sobre a alta taxa de mortalidade infantil dentro da comunidade se vai centrando na Igreja, o seu patriarca terá de lutar pelo direito à sua fé.

Terça-feira, 20 de novembro, 23h05

Warren Jeffs, profeta do mal

Como pode um só homem ser capaz de levar tanta gente a sacrificar tanto em nome de Deus? Warren Jeffs é o líder religioso, desde 2002, da Igreja FLDS (Igreja Fundamentalista de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias), um grupo religioso que pratica a poligamia e conta com aproximadamente 15 000 seguidores. Casou-se com pelo menos 78 mulheres, teve mais de 50 filhos e controlou milhões de dólares da Igreja. Em 2011 foi condenado por delitos graves de abuso sexual de crianças.

Este documentário de investigação psicológica reúne entrevistas com antigos membros da Igreja, familiares e com as pessoas que o denunciaram à justiça, leva os espetadores ao interior das instalações ocultas da FLDS e revela os segredos mais obscuros de Jeffs.

Quinta-feira, 22 de novembro, 23h05

Escapar à Poligamia

Esta série centra-se no trabalho de três irmãs que escaparam a uma seita durante a adolescência, desafiando os mandamentos da sua religião poligâmica. Nesta nova temporada, as três mulheres continuam a sua missão de vida – ajudar todos aqueles que corajosamente decidem abandonar a poligamia. Com sede no interior do vale de Salt Lake City, a “Ordem”, um dos cultos poligâmicos mais poderosos na América, é famoso pelos maus tratos físico/sexuais e psicológicos, assim como pelas “lavagens cerebrais” e a exploração financeira dos seus membros.

A partir de domingo, 18, às 21h

O Crime + Investigation™ volta a emitir alguns dos maiores sucessos do canal:

Manson, outra Teoria

Charles Manson, líder de um culto, foi o cérebro por trás do brutal assassinato de nove pessoas, sete delas mortas em apenas dois dias. Este especial, composto por duas partes, apresenta uma nova teoria para as motivações dos crimes cometidos por Manson. Com os contributos de novas testemunhas e com depoimentos do suspeito da morte da família Manson, que atualmente vive sob um pseudónimo, novos segredos são revelados. Este especial analisa 26 horas de gravações telefónicas de Charles Manson, que podem mudar a história dos seus crimes, quase 50 anos depois.

Segunda-feira, 19, às 23h10

O Cerco de Waco

Em 1993, o rancho Monte Carmelo, à saída de Waco, foi o local de um dos cercos mais mortíferos da história americana. 51 dias de impasse entre o Ramo Davidiano e o FBI, um confronto que terminou com a morte de 76 pessoas – incluindo crianças e o próprio líder da seita – o carismático David Koresh. Agora, um novo grupo de seguidores Davidianos vive na mesma propriedade sob um novo líder, Charles Pace. O seu objetivo passa por repovoar a seita Ramo Davidiano.  Pela voz de David Koresh, retirada de gravações exclusivas do FBI, nove membros do culto contam a sua história emotiva na primeira pessoa.

Quarta-feira, 21, às 23h05

 

 

 

 

Elizabeth Smart

Aos 14 anos, Elizabeth Smart foi raptada durante a noite, da sua própria casa em Salt Lake City, por um autoproclamado profeta religioso. O mistério em torno do seu desaparecimento causou um grande impacto e mediatismo nos EUA. Agora, Elizabeth conta, na primeira pessoa, o que viveu durante os nove meses de cativeiro e como sobreviveu aos abusos sexuais de que foi vítima. Com relatos da família e de investigadores do caso, este especial mostra os tempos difíceis e os esforços feitos para encontrar e salvar Elizabeth. Segue-se um especial, no qual Elizabeth Smart responde às perguntas dos telespectadores, num debate orientado pelo Dr. Drew Pinsky, sobre o seu rapto. A jovem sobrevivente revela novos pormenores da história e os métodos adotados para resistir aos meses de cativeiro.  

Sexta-feira, 23, às 23h05
 

Apanhados

Com apenas 19 anos e mergulhado numa crise existencial, Samuel Stefan encontrou as respostas que tanto procurava numa seita. O carinho e a compreensão do início, no entanto, transformaram-se numa experiência perturbadora, que incluiu lavagem cerebral, maltrato psicológico e violência física. Dez anos depois ele voltou a ser um homem livre. Um relato sensível sobre o domínio e submissão que alguma seitas escondem.

Sábado, 24, às 23h45

Sobre o Crime + Investigation 

Crime + Investigation é o primeiro canal de TV em Portugal dedicado à investigação de crimes reais.

Produzido pelo The History Channel Iberia, uma joint-venture entre a AMC Networks International Southern Europe e A+E Networks, o Crime + Investigation convida os espectadores a mergulhar na apaixonante busca pela verdade através da investigação criminal. Na sua ampla programação, o canal conta impactantes histórias que transportam o espectador até ao mais profundo mundo do crime e leva-o para além do ‘quê’ e ‘como’ para entender o ‘porquê’ e aumentar o seu conhecimento sobre a natureza humana e sua tenacidade na procura da verdade.

O Crime + Investigation é uma marca de referência no género da investigação criminal. O CI está presente em mais de 85 países, tendo sido traduzido em 13 línguas e chega a mais de 61 milhões de famílias. Em Portugal, é distribuído na NOS.

Tags:

Sobre nós

Canal televisivo dedicado em exclusivo à História.

Subscrever

Media

Media