Receitas do Grupo Deutsche Post DHL crescem 4,1% para 15,4 mil milhões de euros no primeiro trimestre de 2019

  • Crescimento das receitas em todas as divisões
  • Previsões de resultados para 2019 e 2020 confirmadas
  • CEO Frank Appel: “Estamos a trabalhar de acordo com o planeado e no bom caminho para atingir os nossos objetivos”
Lisboa, 10 de maio de 2019: A receita total do Grupo Deutsche Post DHL, líder mundial em serviços de correio e logística, aumentou 4,1% para 15,4 mil milhões de euros, entre janeiro e março face ao período homólogo do ano anterior. O lucro operacional (EBIT) aumentou 28,1%, para 1,2 mil milhões de euros.
“O primeiro trimestre correu como esperávamos. Conseguimos um crescimento em todas as divisões. Isso demostra que estamos muito bem posicionados em mercados atrativos e que os nossos fatores fundamentais de crescimento estão intactos. O comércio eletrónico continua a crescer a nível mundial e, apesar de se ter perdido algum ímpeto, o comércio global ainda está a aumentar, exatamente como esperávamos para 2019. Estamos, portanto, no bom caminho para atingir a nossa meta de gerar mais de 5 mil milhões de euros em EBIT no próximo ano”, comenta Frank Appel, CEO do Grupo Deutsche Post DHL.
Perspetivas: previsões de resultados para 2019 e 2020 confirmadas
O Grupo Deutsche Post DHL mantém a projeção de aumento do resultado operacional entre 3,9 e 4,3 mil milhões de euros em 2019. Espera-se que as melhorias estruturais e operacionais em todas as divisões do Grupo contribuam para este aumento.
Resultados demonstram aumento significativo no lucro líquido
O aumento significativo no resultado operacional conduziu também a a uma melhoria significativa do lucro líquido no primeiro trimestre de 2019. Neste período, o Grupo Deutsche Post DHL gerou um lucro líquido de 746 milhões de euros após juros não controláveis (2018: 600 milhões de euros). O lucro líquido básico por ação aumentou 0,60 euros (2018: 0,49 euros).

Tags:

Media

Media