Press Release: Portugal já está acima da média da União Europeia na Eletromobilidade

Portugal é um país onde a eletromobilidade mais cedo se desenvolveu na Europa – desde 2008. Nesse ano, o Governo deu os primeiros passos e um acordo foi assinado para criar uma rede nacional para Veículos Zero Emissões, dentro de 3 anos.

 

Isto contribuiu para a criação da Rede de Mobilidade Elétrica – uma rede integrada de eletromobilidade, que instalou em Portugal, uma infraestrutura para carregamento de veículos.

Mas qual é a situação atual? A construção dessa rede manteve o ritmo de crescimento do parque de automóveis elétricos?

 

PIB per capita e o desenvolvimento da eletromobilidade

 

No que respeita ao desenvolvimento da eletromobilidade, Portugal pode ser visto como um exemplo para os países mais desenvolvidos da Europa. Com um PIB per capita de 19.500€ em 2018, a quota de veículos elétricos em Portugal, é uns impressionantes 3,4%. Países como a Alemanha, com um PIB per capita de 41.000€, tem apenas uma quota de 2%. A França, que tem um PIB per capita de 36.200€, apresenta uma quota de 2,1%. Por outro lado, a Espanha, com um PIB per capita de 26.200€, possui apenas uma quota de mercado de veículos elétricos de 0,9%

Na Europa Central e de Leste, a eletromobilidade só recentemente começou a ser desenvolvida. Enquanto em Portugal, existem subsídios para apoio à compra de veículos elétricos desde 2010 (embora com algumas interrupções), e os postos de carregamento multiplicam-se desde 2008, na Polónia por exemplo, a criação de subsídios é uma medida que estando prevista, ainda não foi implementada.

 

Postos de Carregamento – serão suficientes?

 

Infelizmente, a quantidade de Postos de Carregamento ainda é insuficiente, quando comparada com as indicações da EU. Esta instituição recomenda 1 Posto por cada 10 carros elétricos, mas o atual número de veículos por Posto de Carregamento, é 12. Não está distante do ideal, mas ainda causa inconvenientes aos utilizadores. E uma vez que a venda de carros elétricos continua a crescer a um ritmo interessante, depressa serão insuficientes.

Dados compilados por especialistas VIN-Info.com

Os especialistas da VIN-Info.com – um portal onde poderá conhecer o histórico de um veículo ao introduzir apenas o número VIN, comparou preços de veículos elétricos em Portugal e noutros países da UE.

As diferenças nos preços nos modelos selecionados chega até aos 10.000€. Contudo, opções adicionais, incentivos dos governos, e preços de aluguer de baterias, devem ser considerados.

Dos 144.000 postos de carregamento de veículos elétricos disponíveis na União Europeia, mais de 26% estão na Holanda (37.037), outros 19% na Alemanha (27.459), 17% na França (24.850) e 13% no Reino Unido (19076). Portugal com 1596 Postos de Carregamento, está em 10º lugar.

No que respeita a subsídios para apoio na compra de Veículos Elétricos, Portugal está quase na última posição com 3.000€. Os países que mais apoiam os seus cidadãos são a Roménia, com 10.000€, a Polónia com um montante de 8.700€ e a França com 8.500€. Estes são os valores máximos que podem ser obtidos nestes países. Na Polónia, o sistema de subsídios, entrará em vigor brevemente.

 

Os dados acima, demonstram claramente que Portugal se destaca dos países mais ricos da Europa. Uma estratégia bem delineada e conduzida, para o desenvolvimento da eletromobilidade, produziu já efeitos visíveis, e Portugal deve ter orgulho por isso.

Se planeia em comprar um veículo usado – incluindo elétrico, primeiro verifique o seu histórico na VIN-Info. Com o código P2DCEU pode fazê-lo gratuitamente. A oferta é por tempo limitado.

Sobre nós

Agência de Marketing Digital

Subscrever

Media

Media