Exploratório promove conversa sobre demência com a neurologista Isabel Santana

Conversar é o melhor Remédio - Médicos na Exposição, ciclo de conversas com médicos promovido pelo Exploratório - Centro Ciência Viva de Coimbra em parceria com o Centro Cirúrgico de Coimbra, está de volta com o programa para 2020. A abertura deste que é já o terceiro ciclo do programa acontece sábado, dia 18 de janeiro, às 18h00. Ao longo de uma hora, a médica Isabel Santana, especialista em neurologia, estará à conversa a partir de uma pergunta fundamental: a senilidade é um mito? A entrada é livre.

“A senilidade é um mito?” é a pergunta que serve de mote à sessão que, este sábado, 18 de janeiro, abre o ciclo Conversar é o melhor Remédio - Médicos na Exposição 2020, promovido pelo Exploratório - Centro Ciência Viva de Coimbra, numa parceria com o Centro Cirúrgico de Coimbra. Nesta sessão, a médica neurologista Isabel Santana estará à conversa a partir das muitas questões que se colocam na área alargada da demência.

A demência não é, de todo, o processo do envelhecimento. Isabel Santana irá explicar nesta sessão as dificuldades que ainda existem para se chegar a um diagnóstico de demência, comparativamente com o envelhecimento psicológico, implicando muitas vezes avaliações cognitivas que entram em linha de conta com o que é considerado o “desempenho admissível” em idades mais avançadas. Nestes aspetos, o que é mais relevante é o prognóstico, sendo que no envelhecimento fisiológico uma progressão inexorável dos déficits, como acontece na demência. Em ambas as situações, o treino cognitivo e o exercício físico são fundamentais para um cérebro mais saudável.

Médica neurologista desde 1992 no Serviço de Neurologia no Hospital da Universidade de Coimbra | Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (HUC/CHUC) e diretora de serviço desde 2018, com diferenciação nas áreas de neuropsicologia e demência, Isabel Santana é professora catedrática de Neurologia na Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra. A especialista integra ainda o Centro de Neurociências e Biologia Celular da Universidade de Coimbra (CNC) desde 1999, atualmente no Grupo "Aging and brain diseases: advanced diagnosis and biomarkers".

Conversar é o melhor Remédio - Médicos na Exposição é um programa de conversas informais com médicos de diferentes especialidades. Desenvolvido em parceria com o Centro Cirúrgico de Coimbra, todos os terceiros sábados do mês, um médico da instituição de saúde vai ao Exploratório conversar com o público sobre uma diferente temática, todas relacionadas com saúde e medicina.

O programa desenvolveu-se ao longo de 2018 e 2019, este último ano com uma média de meia centena de participantes por sessão, e prossegue em 2020 com conversas sobre temáticas tão diversas como neurologia, cardiologia, psiquiatria, medicina interna, cirurgia cardiotorácica, oftalmologia, urologia ou cirurgia vascular. Para além de Isabel Santana, vão participar no programa os médicos Luís Leite, Celso Pereira, Sofia Morais, Vera Sofia Soares, Javier Gallego, Catarina Canha, Raimundo Fernandes, Rui Tavares, Gabriel Anacleto, Silvio Bollini e António Travassos.

Tags:

Sobre nós

Primeiro centro interativo de Ciência em Portugal, constituído em 1995 como associação sem fins lucrativos, tendo a Universidade de Coimbra e a sua Faculdade de Ciências e Tecnologia como principais associados fundadores e a Casa Municipal da Cultura de Coimbra como anfitriã.

Subscrever

Media

Media