JLL e Worx relançam escritórios do edifício Malhoa 22

As consultoras foram escolhidas pelo novo proprietário deste imóvel, que acolheu a sede do Banif, para a comercialização dos seus mais de 6.700 m² de escritórios.

A WORX e a JLL foram as consultoras escolhidas pelo novo proprietário do edifício Malhoa 22, Jardins Sottomayor Immobiliaria e Turismo, S.A. para, num mandato em regime de co-exclusividade, relançar o edifício no mercado.

Mariana Rosa, Diretora de Office Agency da JLL, comenta:este edifício reúne os principais requisitos da atual procura. Em primeiro lugar, disponibiliza uma área de grande dimensão, com mais de 6.700 m² de escritórios, algo muito apetecível para empresas com amplas necessidades de espaço e que ambicionam centralizar serviços num só edifício.

Tags:

Sobre nós

Empresa de serviços financeiros e profissionais especializada em serviços de imobiliário e gestão de investmento, desenvolvendo a sua atividade nos mercados de escritórios e retalho, nas áreas de agência, investimento, corporate solutions, consultoria e avaliações, gestão de imóveis, arquitectura/obras e research.

Subscrever