COVIDEOS É O PROJETO VENCEDOR DA 3ª EDIÇÃO DA ESCOLA AMIGA DA CRIANÇA

Desenvolvido pela Escola EB S Cidadela de Cascais

COVIDEOS É O PROJETO VENCEDOR DA 3ª EDIÇÃO DA ESCOLA AMIGA DA CRIANÇA

 
O grande vencedor da terceira edição da iniciativa Escola Amiga da Criança é a Escola EB S Cidadela, de Cascais, que submeteu o seu projeto CoVideos à nova categoria “Escola em Casa”, numa altura em que sentiu que era crucial motivar e unir os alunos que estavam fechados em casa, com um sistema de ensino à distância.
 
O projeto CoVideos surgiu da dificuldade da escola em motivar os alunos e mobilizá-los para a continuação de projetos anteriores, também eles comprometidos pela pandemia. Após uma experiência de construção de um projeto a partir de reflexões individuais de alunos e de professores  que se revelou interessante por os ter feito sentir mais próximos, ao perguntar aos alunos como gostariam de dar continuidade à disciplina, muitos propuseram que se voltasse a fazer um trabalho que contasse com a participação de todos. Assim, entre as duas turmas de Ciências e Tecnologias do 10º ano da escola surgiu a ideia de se fazerem vídeos individuais, que nessa altura teriam de ser filmados em casa, e que, posteriormente, se encadeariam.
 
Com a imaginação dos alunos e com a disponibilidade das diretoras de turma e das professoras, cujas aulas foram várias vezes “o palco” das múltiplas ideias, o projeto começou a ganhar forma. Cada interveniente fez um pequeno vídeo de si próprio mostrando a atividade mais frequente durante o confinamento e outro vídeo em que mostrava qual a atividade de que sentia mais falta ou a que seria a primeira a fazer quando tudo voltasse à normalidade. Entre os vídeos de duas pessoas diferentes seria transmitido um objeto que estabeleceria a continuidade da ação. Assim, chegou-se ao fim do ano com a satisfação de terem concluído um projeto que, entre muitos outros objetivos, manteve ligados, professores e alunos, apesar do distanciamento que tiveram de cumprir.
 
A Escola EB S Cidadela de Cascais, enquanto grande vencedor, vai ficar com a sua biblioteca recheada de livros LeYa, no valor de 5000€ e 6000€ em materiais escolares, uma oferta da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. Usufruirá ainda de vários prémios por partes de parceiros que se associaram à iniciativa, com especial destaque para o cheque-oferta da note!
 
A categoria “Escola em Casa” foi criada devido ao confinamento e procurou dar destaque às propostas criativas das escolas em relação às pontes que conseguiram estabelecer durante a quarentena, entre os seus alunos e as famílias.
 
A terceira edição da Escola Amiga da Criança contou com o apoio da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Fundação Altice, REN, note!, Católica Porto Business School, Sociedade Ponto Verde, Associação Mutualista Montepio, The Inventors, Fábrica Centro Ciência Viva, EKUI, Associação ACEGIS, Solfut, Maped e ANEBE com o projeto ‘Menores nem uma Gota’ em parceria com Secretaria Regional da Saúde da Região Autónoma da Madeira.
 

Tags:

Sobre nós

Grupo editorial de toda a área da língua portuguesa.

Subscrever

Media

Media