Ecocentro e Estação de Transferência da Póvoa de Varzim inaugurados

O Presidente do Conselho de Administração da LIPOR e Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, Aires Pereira, inaugurou, no passado sábado à tarde, 15 de junho, o Ecocentro e Estação de Transferência da Póvoa de Varzim, em Laúndos.

Além do executivo municipal, estiveram presentes na sessão Fernando Leite, Administrador-Delegado da LIPOR, e Quirino Jesus, Vereador da Câmara Municipal de Espinho.

Aires Pereira transmitiu que o dia marcava “uma nova etapa na vida da Póvoa de Varzim e no nosso compromisso com esta área tão importante como é a recolha e transformação de resíduos e com as metas ambientais que todos temos obrigação de contribuir e atingir de modo a termos um planeta mais sustentável”. O Presidente explicou que “com a nova estação de transferência, os camiões de resíduos já não terão que se deslocar à LIPOR I ou II para fazer a descarga dos resíduos diariamente durante a noite. Vão entregá-los aqui e depois serão encaminhados para os diferentes sistemas. Teremos menos transporte, menos camiões na rua, menos desperdício de tempo e menos custos”.

O autarca informou que no dia 1 de julho entra em funcionamento o Ecocentro, acrescentando que “investimos 1,5 milhões de euros, num terreno que tem 60 hectares, propriedade da LIPOR”. Os equipamentos ocupam 10 hectares e os restantes 50 destinam-se a uma incubadora de empresas ligadas à área do ambiente”.

O Presidente revelou ainda que “no mês de maio a LIPOR já atingiu as metas nacionais fixadas em termos daquilo que é a nossa responsabilidade, ou seja, dos 50 kg por habitante no que diz respeito à recolha, já atingimos 53 kg”.

Relativamente a estes números, Aires Pereira fez questão de deixar uma palavra aos cidadãos que estão a colaborar, destacando a importância da “sustentabilidade do nosso planeta e da economia circular, ou seja, termos a capacidade de reutilizar tudo aquilo que utilizamos e cada vez menos ir procurar matérias-primas virgens. Esta é uma obrigação e um compromisso de todos e de cada um”.

O Presidente lembrou que a LIPOR é empresa de referência no universo dos resíduos, sendo que já representa 12% dos resíduos nacionais: “somos a maior empresa pública do país a tratar resíduos”, acrescentando tratar-se de “um exemplo para o país e para a Europa”.

Sobre a LIPOR

A LIPOR é a entidade responsável pela gestão, valorização e tratamento dos resíduos urbanos produzidos pelos Municípios associados: Espinho, Gondomar, Maia, Matosinhos, Porto, Póvoa de Varzim, Valongo e Vila do Conde.

A LIPOR trata anualmente cerca de 500 mil toneladas de resíduos urbanos produzidos por 1 milhão de habitantes. Sustentada nos modernos conceitos de gestão de RU, a LIPOR desenvolveu uma estratégia integrada de valorização, tratamento e confinamento dos RU, baseada em três componentes principais: Valorização Multimaterial, Valorização Orgânica e Valorização Energética, complementadas por um Aterro Sanitário para receção dos rejeitados e de resíduos previamente preparados.

Ao assumir de forma clara que a gestão de resíduos é realizada na ótica do recurso, a LIPOR firma todos os esforços na sua valorização mais adequada, abordagem esta que tem por base a projeção de um modelo circular de negócios, e é sustentada por projetos demostrativos das práticas circulares de suporte. A atuação da Organização permite consolidar um posicionamento que se preconiza pela criação de valor no ciclo produtivo, caracterizado pela reintrodução do “resíduo” como “recurso” na cadeia de valor.

A nível nacional, a LIPOR pretende ser impulsionadora da temática da Economia Circular, através da partilha de novas estratégias e procura de soluções mais eficazes.

Tags:

Sobre nós

Empresa de reciclagem e gestão de resíduos.