MAIA INVESTE EM OBRAS DE REABILITAÇÃO NOS ECOCENTROS

De forma a melhorar as infraestruturas de apoio à deposição de resíduos urbanos, os Ecocentros da Maia estão a sofrer obras de reabilitação. Neste momento, encontra-se em curso a empreitada que requalificará os Ecocentros de Moreira e Nogueira.

Com um investimento global de cerca de 200 mil euros, nos cinco Ecocentros, as intervenções serão faseadas, sendo expectável estarem concluídas em 2021. As obras de requalificação arrancaram em 2018, com a requalificação do Ecocentro de Folgosa. Para 2020/2021 ficarão as intervenções nos Ecocentros de Aviso (Santa Maria) e de Águas Santas.

Durante o período de obras de reabilitação, os Ecocentros continuarão em funcionamento, nos horários habituais.

4.149 TONELADAS DE RESÍDUOS URBANOS

DEPOSITADOS NOS ECOCENTROS NO 1º SEMESTRE DE 2019

Os Ecocentros pretendem ser uma das respostas integradas para a recolha seletiva no município da Maia. No primeiro semestre de 2019, foram recolhidas nos ecocentros do concelho mais de 4.149 toneladas de resíduos urbanos, um crescimento de 5% face a 2018.

Ao todo, no concelho da Maia, existem cinco ecocentros que podem ser utilizados por munícipes, Juntas de Freguesia e empresas detentoras da credencial de acesso ao ecocentro. Trata-se de áreas vigiadas dedicadas à receção de resíduos para reciclagem com um volume de contentorização superior aos ecopontos.

Tags:

Sobre nós

Empresa pública municipal que tem como objeto principal, por delegação da Câmara Municipal da Maia, a remoção dos resíduos sólidos urbanos e equiparados a urbanos, a recolha selectiva de materiais recicláveis e a manutenção da higiene e limpeza dos locais públicos.

Subscrever

Media

Media