Makro Portugal anuncia vencedor do Concurso Chefe Cozinheiro do Ano

Hugo Alves, do Restaurante Pedro Lemos, no Porto, foi o grande vencedor da 32ª edição da competição


A Makro Portugal, empresa grossista que apoia o Concurso Chefe Cozinheiro do Ano (CCA) desde sempre, anuncia o vencedor da 32ª edição de uma iniciativa única em Portugal, que tem como principal objetivo eleger o Chefe Cozinheiro do Ano de 2021, bem como destacar os profissionais que representam a gastronomia Portuguesa e que por ela tanto fazem todos os dias.

A final nacional decorreu no passado dia 30 de novembro, no The Baron’s Hall, em Vila Nova de Gaia, onde Hugo Alves, do Restaurante Pedro Lemos, no Porto, foi nomeado vencedor. Hugo Alves destacou-se com um menu composto por “A sopa de nabos” (entrada), “O bacalhau e a orelheira” (peixe), “Pica no chão” (carne) e “O pudim abade de priscos” (sobremesa).

“Acreditamos na importância desta iniciativa e na sua contribuição para gastronomia nacional. Para a makro, o prémio de Chefe Cozinheiro do Ano é um reconhecimento alinhado com o nosso propósito de viver a paixão pela gastronomia portuguesa, levando ao mundo a sua diversidade. Temos muito talento neste sector e queremos continuar a promover a nossa gastronomia, bem como os que fazem dela um tesouro nacional. Parabéns a todos os participantes e um parabéns muito especial para o Hugo Alves,” comenta Filia Herédia, Communication & Engagement Manager da Makro Portugal.  

Hugo Alves junta-se assim, ao restrito Clube CCA, composto por todos os Chefes Cozinheiro do Ano, recebendo um cheque Makro no valor de 1.000€ (valor monetário), entre outros prémios.

Hugo Rocha, do Restaurante Real by Casa da Calçada e Miguel Silva, do Hotel Palace do Bussaco, ficaram, respetivamente, em segundo e terceiro lugar. Estiveram também em competição André Cameirão, do Azor Hotel Ponta Delgada, Carlos Torres, dos Elebê Restaurantes e Rogério Barbosa, do hotel Prazer da Natureza Resort & Spa.

O Chefe Cozinheiro do Ano é o maior concurso nacional de cozinha para profissionais, que acontece desde 1989, tendo como objetivo o apuramento do Chefe Cozinheiro do Ano, bem como a valorização profissional dos cozinheiros em Portugal. Os destinatários são todos os profissionais de cozinha residentes em Portugal, com mais de 25 anos ou mais de cinco anos de experiência profissional comprovada. Tem como intuito dar um novo impulso à valorização da profissão de cozinheiro e contribuir para a dignificação da cozinha portuguesa.
 

Tags:

Subscrever

Media

Media