MUJI apresenta as novidades da coleção primavera-verão e revela novos projetos de 2019

Este ano, a MUJI centra a sua coleção primavera-verão nos artigos de moda em linho e nos artigos essenciais do dia-a-dia, sempre produzidos de uma forma racional e responsável.

A MUJI introduz nas suas peças de roupa o linho orgânico, um tecido cada vez mais raro no mundo atual. Além do cultivo na Normandia, em França, a água abundante proveniente do derretimento da neve a uma altitude de 1.800 metros, na vasta planície de Xianijang, na China, tem as condições perfeitas para a plantação de linho orgânico. Para uma produção mais justa e sustentável, a MUJI cria alianças a longo prazo com os agricultores nestes locais, para cultivar linho sem fertilizantes químicos nem pesticidas.

Os vários tipos de linho usados pela MUJI são cultivados em zonas moderadamente húmidas, com grandes oscilações de temperatura entre o dia e a noite, que produzem um linho absorvente de secagem rápida. Este processo torna o tecido resistente e duradouro, capaz de suportar muitas lavagens. As camisas de linho para homens têm um corte confortável e são simples de vestir. Para as mulheres, as blusas de linho com um decote simples e subtil, conferem um visual simples e clássico.

Na coleção primavera-verão, a MUJI tem ainda sugestões de vestuário com algodão orgânico natural, cultivado em solos livres de produtos químicos há mais de três anos, um método que respeita não só os terrenos como as comunidades. O algodão orgânico proveniente da Índia é colhido à mão, causando menos danos nas fibras do que a colheita feita com máquinas, o que contribui para uma maior sensação de suavidade e qualidade.

Roupa interior

A MUJI melhorou o algodão da sua roupa interior, tornando-o ainda mais absorvente e rápido de secar, para que este esteja sempre fresco e ofereça conforto.
 

Hoodies

Os casacos com capuz da MUJI são feitos com um tecido de fio girado com núcleo de poliéster e cobertura de algodão, desenhado para uma secagem mais rápida. Os hoodies da MUJI utilizam fio slub, que tem uma aparência singela e despretensiosa. Os bolsos laterais foram redesenhados para uma maior aerodinâmica, com um corte reto e direito.

Denim

A MUJI utiliza o toque suave e de qualidade do algodão escolhido à mão para a sua ganga elástica, que se alonga para ambas as direções.

As calças de ganga são desenhadas com um alongamento de 5 a 6 cm na cintura e têm um sexto bolso para guardar o smartphone, um gadget essencial no do dia-a-dia. 

Além da coleção primavera-verão, a MUJI tem vindo a trabalhar em projetos inovadores, que consolidam a marca como uma empresa racional e inovadora tais como:

GACHA

Resulta da colaboração entre a MUJI e a empresa de condução autónoma finlandesa, Sensible 4, um serviço de transporte público de condução autónoma apto para todas as condições atmosféricas. Foi inaugurado em março, em Helsínquia, na Finlândia. O GACHA é o primeiro autocarro autónomo do mundo que pode circular em todos os tipos de clima, incluindo chuva intensa, nevoeiro e neve.

MUJI GINZA

A Flagship global da marca, MUJI Ginza, situada em Ginza, Tóquio, abre portas a 4 de abril de 2019. Para além da venda dos habituais produtos para a casa e vestuário, as suas instalações incluem uma loja de alimentos que vende frutas e legumes comprados em lojas locais, bem como 32 variedades de chás misturados, como três tipos de base - chá verde tostado, chá verde orgânico e rooibos, que são vendidos a peso, especiarias, etc. Tem ainda um stand de sumos feitos no momento, com frutas e verduras da época e uma padaria. Do espaço faz parte também o MUJI Diner, um restaurante de comida simples e saudável.

Do primeiro ao sexto andar o espaço será ocupado pela loja e do sexto ao décimo estará o primeiro hotel MUJI do Japão: MUJI HOTEL GINZA.

Com um conceito “anti-grandioso e anti-barato”, o hotel apresenta 79 quartos, oferecendo uma excelente estadia, a um preço acessível, num espaço equilibrado e que permite conectar os viajantes às comunidades locais.

O hotel também defende a sustentabilidade e utiliza materiais reciclados em todo o seu design. Os produtos MUJI estão presentes em todos os quartos, e os hóspedes também podem pedir itens da loja para o seu quarto.

Por outro lado, os clientes poderão também ler, comprar e personalizar livros e, o Atelier MUJI Ginza, um espaço multiusos de design e cultura, que inclui duas galerias, um salão de beleza, uma biblioteca e um espaço lounge, estão também ao alcance dos visitantes desta Flagship global.

Sobre a MUJI

A MUJI foi fundada nos anos 80, no Japão, de forma a dar resposta e ir de encontro aos hábitos da sociedade de consumo da altura. A nossa visão de trazer “produtos de qualidade sem marca”, Mujirushi Ryohin, em japonês, foi criada no Reino Unido pela primeira vez em 1991, quando a MUJI abriu a sua primeira loja na Liberty Department Store. Nos 25 anos que se seguiram, a MUJI continuou a crescer para 44 lojas em 29 países da Europa.

www.muji.pt 

Tags: