JUDI DENCH REGRESSA COM DRAMA BASEADO NUMA HISTÓRIA VERÍDICA

Vencedora de um Óscar em ‘A Paixão de Shakespeare’, Judi Dench está de regresso ao grande écran num drama baseado numa história verídica – ‘Uma Traição Necessária’ – que estreia nos cinemas nacionais esta semana, a 16 de maio.

Inspirado na vida de Melita Norwood - uma funcionária pública britânica e uma fonte de inteligência da KGB que, por um período de cerca de mais de 40 anos após o seu recrutamento nos anos 30, forneceu à KGB segredos de Estado - ‘Uma Traição Necessária’ é uma adaptação por Lindsay Shapero do romance de Jennie Rooney’s: ‘Red Joan’.

No filme de Trevor Nunn (‘Noite de Reis’), a britânica Joan Stanley (Judi Dench, ‘007’) vive tranquilamente a sua reforma numa zona residencial, mas a sua vida pacata é subitamente perturbada quando o MI5 a prende, acusando-a de fornecer informações à Rússia comunista. Durante o interrogatório, Joan vai revivendo os eventos dramáticos que fizeram parte da sua vida, quando em 1938, em Cambridge, se envolveu num grupo comunista e se apaixonou por um jovem sedutor. Mais tarde, já funcionária de um centro de investigação nuclear altamente secreto, Joan apercebe-se que o equilíbrio do mundo pode estar em risco e pende para a autodestruição, o que a faz sentir que tem de tomar uma decisão importante.

Uma Traição Necessária’ conta ainda com Sophie Cookson (‘O Caçador e a Rainha do Gelo’), Stephen Campbell Moore (‘Época das Bruxas’) e Tom Hughes (‘Segunda Vida’) nos principais papéis.

Sinopse
Corre o ano 2000 e Joan Stanley vive tranquilamente a sua reforma numa zona residencial, mas a sua vida pacata é subitamente perturbada quando o MI5 a prende, acusando-a de fornecer informações à Rússia comunista.
A sua aventura começa em 1938, quando Joan, uma estudante de Física, em Cambridge, se apaixona pelo jovem comunista Leo Galich e através dele começa a perceber o ténue equilibro de forças que governa o mundo.
Mais tarde, durante a II Guerra Mundial, enquanto funcionária de um centro de investigação nuclear altamente secreto, Joan apercebe-se que esse equilíbrio pode estar em risco e pende para a autodestruição do mundo. Confrontada com uma questão impossível – qual o preço a pagar pela paz? –, Joan tem de escolher entre trair o seu país e todos aqueles que ama ou salvá-los.

Links: Trailer | Conteúdos

A 16 DE MAIO NOS CINEMAS

Tags:

Sobre nós

Grupo empresarial que oferece soluções fixas e móveis de última geração, de televisão, internet, voz e dados para todos os segmentos de mercado.

Subscrever

Media

Media