PAN Cascais propõe criação de um Centro de Recuperação de Animais Selvagens

PAN Cascais propõe criação de um Centro de Recuperação de Animais Selvagens

 

 

Cascais, 23 de Outubro: O grupo municipal do PAN, Pessoas-Animais-Natureza, Cascais apresentou hoje uma recomendação ao executivo de Cascais para que crie um Centro de Recuperação de Animais Selvagens no município.

 

Depois do trágico incêndio de 7 de Outubro, que devastou 485 hectares do Parque Natural Sintra/Cascais, cerca de 16% de área protegida, reforçou-se a importância de construir um centro que acolha e trate animais de companhia, de pecuária e selvagens visto que o centro mais próximo se encontra em Lisboa, em Monsanto (LxCras).

 

De recordar que a 7 de Maio a Assembleia Municipal aprovou uma recomendação do PAN Cascais para incluir no Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil de Cascais a inclusão de animais de companhia, de pecuária e selvagens. Esta recomendação pese embora ainda não esteja vertida na actualização do Plano Municipal já é seguida pelo executivo de Cascais tal como se viu no resgate de 70 equídeos e cerca de 12 animais de companhia no incêndio de Outubro.

 

O PAN Cascais propõe assim que a Câmara Municipal estude os custos da criação e manutenção de um Centro de Recuperação no município de Cascais e apresente os dados à Assembleia Municipal para debate.

 

“O recente e trágico incêndio em Cascais demonstra a importância de dotarmos o município de um Centro de Recuperação e assim protegermos efectivamente a fauna do Parque Natural Sintra/Cascais” refere Sandra Marques, deputada Municipal do PAN Cascais.

 

Para esclarecimentos ou informações adicionais, contacte:

 

Francisco Guerreiro

Coordenador da Comunicação do Grupo Municipal de Cascais

PAN – Pessoas-Animais-Natureza

 ( 351) 969 954 187 | amcascais@pan.com.pt

Sobre nós

PAN – Pessoas Animais Natureza

Subscrever