Parques de Sintra com serviço gratuito de hop-on hop-off

Medida abrange os Parques da Pena e de Monserrate, e os Jardins de Queluz

- Entrada no Chalet da Condessa d’Edla passa a estar incluída nos bilhetes de acesso ao Palácio e Parque da Pena

A Parques de Sintra celebra a chegada do horário de inverno com um desafio renovado à descoberta dos seus parques e jardins. A partir de 28 de Outubro (próximo domingo), os serviços de hop-on hop-off, que percorrem os Parques da Pena e de Monserrate, e os jardins de Queluz, passarão a estar incluídos nos bilhetes de entrada nos monumentos. Esta oferta representa um investimento na qualidade da visita, ao assegurar uma vivência mais completa destes espaços, com todo o conforto.

De forma a enriquecer a experiência proporcionada pelo Parque da Pena, um dos seus locais emblemáticos, o Chalet da Condessa d’Edla, terá entrada gratuita, para quem adquirir bilhete de entrada no Parque, ou no Palácio Nacional da Pena. A medida permitirá que os visitantes conheçam este edifício de forte carga cénica, situado na zona ocidental do Parque, e que foi espaço de refúgio e recreio do rei D. Fernando II e da sua segunda mulher, a Condessa d’Edla. Este pólo está integrado no circuito de hop-on hop-off, o que promove a sua ligação eficaz ao restante universo da Pena.

O transfer que efetua o percurso de ida e volta entre a entrada principal do Parque e o Palácio permanecerá um serviço pago.

Em todos os espaços, o transporte será assegurado por veículos elétricos, contribuindo para a diminuição de emissões de carbono para o meio ambiente, e contará com paragens nos principais pontos de atração.


Sobre a Parques de Sintra - Monte da Lua

A Parques de Sintra - Monte da Lua, S.A. (PSML) é uma empresa de capitais exclusivamente públicos, criada em 2000, no seguimento da classificação pela UNESCO da Paisagem Cultural de Sintra como Património da Humanidade. Não recorre ao Orçamento do Estado, pelo que a recuperação e manutenção do património que gere são asseguradas pelas receitas de bilheteiras, lojas, cafetarias e aluguer de espaços para eventos.

Em 2017, as áreas sob gestão da PSML (Parque e Palácio Nacional da Pena, Palácios Nacionais de Sintra e de Queluz, Chalet da Condessa d’Edla, Castelo dos Mouros, Palácio e Jardins de Monserrate, Convento dos Capuchos e Escola Portuguesa de Arte Equestre) receberam cerca de 3,2 milhões de visitas, cerca de 80% das quais por parte de estrangeiros. Recebeu, em 2013, 2014, 2015, 2016 e 2017, o World Travel Award para Melhor Empresa em Conservação.

São acionistas da PSML a Direção Geral do Tesouro e Finanças (que representa o Estado), o Instituto da Conservação da Natureza e Florestas, o Turismo de Portugal e a Câmara Municipal de Sintra.

www.parquesdesintra.pt / www.facebook.com/parquesdesintra / https://www.instagram.com/parquesdesintra/

Tags:

Sobre nós

Empresa de capitais exclusivamente públicos criada em 2000 (decreto-lei nº 215/2000, de 2 de Setembro), na sequência da classificação pela UNESCO da Paisagem Cultural de Sintra como Património da Humanidade e dos compromissos assumidos com a sua recuperação, conservação e divulgação.

Subscrever