SONAE MC ASSINA PROTOCOLO DE ADESÃO AO “PORTUGAL SOU EU” DO MINISTÉRIO DA ECONOMIA

·         Sonae MC e AEP - Associação Empresarial de Portugal, que integra o órgão de gestão do programa, juntam-se para assinar o protocolo de adesão ao “Portugal Sou Eu”, para promover a produção nacional, numa cerimónia presidida pelo Ministro Adjunto e da Economia;

·         “Portugal Sou Eu” é um programa do Ministério da Economia, aprovado pela Resolução do Conselho de Ministros 56/2011, que visa a dinamização e valorização da oferta nacional e a promoção do consumo informado por parte dos consumidores.

A Sonae MC e a AEP, que integra o órgão de gestão  do programa, assinaram hoje, 1 de março, o protocolo de adesão ao “Portugal Sou Eu”, numa cerimónia que contou com a presença do Ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, a Presidente da Câmara Municipal de Matosinhos, Luísa Salgueiro, do Presidente da Associação Empresarial de Portugal, Paulo Nunes de Almeida, e do CEO da Sonae MC, Luís Moutinho, esta manhã em Matosinhos (Porto).

O programa, promovido pelo Ministério da Economia, visa valorizar a produção nacional através da marca “Portugal Sou Eu”, que identifica os produtos de origem portuguesa com elevado índice de incorporação nacional, através de um Selo próprio na embalagem e assim promove o consumo informado por parte de todos os consumidores.

A cerimónia decorreu na loja do Continente Matosinhos e contemplou uma visita ao seu interior para conhecer alguns dos produtos que já possuem o Selo “Portugal Sou Eu”, entre os quais se encontram referências de ovos, gelatinas, sopas, arroz, leite, molhos, massas, atum e azeites.

A Sonae MC junta-se, desta forma, ao movimento que pretende envolver toda a sociedade civil na valorização da produção nacional, seja por via do incentivo a produtores nacionais seja por via da sensibilização dos consumidores, ao identificar produtos de qualidade provenientes de terras portuguesas.

Luís Moutinho, CEO da Sonae MC, declarou, no discurso de boas-vindas da cerimónia, que “Para nós foi sempre essencial preservar as relações equilibradas e o respeito por todos, de tal forma que fomos pioneiros a nível europeu, e agora a nível nacional, ao subscrever o código de boas práticas na cadeia de abastecimento agroalimentar. É fundamental não deixar ninguém para trás. Crescemos em conjunto numa cadeia de valor sustentável que todos beneficiará. E, por inerência, o país”.

A Sonae MC tem vindo a desenvolver, ao longo das últimas décadas, uma relação próxima e profícua com fornecedores e parceiros, promovendo um crescimento sustentado da produção nacional, capitalizando as matérias-primas do país e fomentando a economia, a indústria e a criação de emprego.

Exemplo claro dessa aposta é o volume de vendas do Continente de produtos de origem portuguesa: 34% dos produtos alimentares – excluindo frescos e biológicos – de marca própria são de origem portuguesa e representam 64% do volume das vendas da marca.

O Selo “Portugal Sou Eu” é atribuído aos produtos e serviços com base em critérios de incorporação nacional, marcas e patentes, emprego nacional e valor acrescentado nacional da empresa.

No “Portugal Sou Eu” estão inscritas cerca de 3.400 Empresas Aderentes e 1200 Estabelecimentos Aderentes. Estão qualificados com o Selo “Portugal Sou Eu” mais de 10 mil produtos e serviços que, no seu conjunto, representam um volume de negócios agregado superior a 12 mil milhões €.

A grande maioria dos produtos tem patentes e/ou marcas registadas, sendo que 57% são do setor da alimentação e bebidas e 23% correspondem às atividades de artesanato.

Sobre a Sonae MC

A Sonae MC, líder do mercado nacional no Retalho Alimentar, conta com um conjunto de formatos de negócio distintos: Continente, Continente Modelo e Continente Bom Dia, Continente Online, Meu Super, Bagga, Go Natural, Dr. Wells, Note!, Well’s, Maxmat e ZU.

Sobre o “Portugal Sou Eu”

O programa “Portugal Sou Eu” foi lançado em dezembro de 2012 pelo Governo de Portugal para dinamizar a competitividade das empresas portuguesas, promover o equilíbrio da balança comercial, combater o desemprego e contribuir para o crescimento sustentado da economia.

O programa, financiado pelo Compete 2020, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, é gerido por um Órgão Operacional formado pela Associação Empresarial de Portugal (AEP), Associação Industrial Portuguesa-Câmara de Comércio e Indústria (AIP-CCI), Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP), Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP), Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED), Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) e pelo IAPMEI – Agência para a Competitividade e Inovação, IP.
 

Descarregue todas as imagens: https://we.tl/t-Sf4aeEoSsl

Tags:

Sobre nós

Empresa de retalho.

Subscrever

Media

Media