INFARMED APROVA USO NO SNS DE ADYNOVI (RURIOCTOCOG ALFA PEGOL) EM DOENTES COM HEMOFILIA A COM MAIS DE 12 ANOS

A Takeda Portugal acaba de anunciar que Adynovi® (rurioctocog alfa pegol) pó e solvente para solução injetável obteve a aprovação do INFARMED para o tratamento e profilaxia de hemorragias, em doentes de idade igual ou superior a 12 anos com hemofilia A (carência congénita de fator VIII), no SNS.1

Adynovi (rurioctocog alfa pegol) é um fator VIII recombinante humano peguilado com semivida prolongada.

A tecnologia de peguilação de Adynovi (rurioctocog alfa pegol), com incorporação da molécula de polietilenoglicol (PEG), prolonga o intervalo entre administrações de FVIII, por este permanecer mais tempo no plasma dos doentes, permitindo um esquema terapêutico mais cómodo, de apenas duas perfusões por semana. A extensão da semivida do FVIII, sem compromisso da segurança e eficácia, possibilita a redução da frequência das perfusões, contribuindo assim para uma maior comodidade e qualidade de vida das pessoas com hemofilia A.

O facto de ter uma semivida prolongada contribui também para a otimização do tratamento profilático que, associado à personalização farmacocinética da terapêutica, possibilita a instituição de um tratamento totalmente ajustado às características e necessidades individuais de cada doente.

O estudo pivotal PROLONG-ATE demonstrou a eficácia de Adynovi (rurioctocog alfa pegol) um medicamento FVIII recombinante de semivida prolongada, na redução da taxa anualizada de hemorragias, assim como a redução da taxa anualizada de hemorragias articulares e espontâneas, proporcionando o alcance de zero hemorragias para um número alargado de doentes, sem desenvolvimento de inibidores para FVIII≥ 0.6UB/mL.

A aprovação de Adynovi (rurioctocog alfa pegol) para uso no SNS vem reforçar o compromisso da Takeda Portugal em proporcionar às pessoas com Hemofilia A opções terapêuticas inovadoras, que contribuam para uma boa integração do tratamento no seu quotidiano, proporcionando-lhes uma vida mais autónoma.

Helena Coutinho, Head of Patient Value & Access and Communications, afirma: “A decisão do INFARMED representa um passo muito positivo para os doentes com hemofilia A. Só podemos estar satisfeitos com esta decisão, que representa um ganho em saúde para o doente e para a sociedade”.

“A disponibilidade do novo fator VIII Adynovi, para o tratamento profilático de pessoas com hemofilia A vem permitir a todos os profissionais de saúde a possibilidade de encontrar a solução mais adequada para cada pessoa, associando uma elevada eficácia a uma clara melhoria da qualidade de vida”, disse Pedro Vieira de Sá, diretor da unidade de Hemofilia em Portugal.

Sobre Adynovi® (rurioctocog alfa pegol) pó e solvente para solução injetável:
 
Sobre a Hemofilia A:
A Hemofilia é uma doença crónica, rara, hereditária e potencialmente incapacitante, caracterizada por um conjunto de distúrbios que afetam o mecanismo de coagulação do sangue. Existem dois tipos de Hemofilia: A e B, que apresentam os mesmos sintomas, variando consoante a proteína de coagulação (fator de coagulação) ausente no sangue. A Hemofilia A é a mais frequente, sendo causada pela carência do fator VIII. A diminuição dos níveis de atividade do fator VIII pode resultar em hemorragias nas articulações, músculos ou órgãos internos, quer de forma espontânea quer como resultado de um trauma acidental - como cortes e arranhões - ou cirúrgico. Por ser de transmissão genética e estar particularmente ligada ao cromossoma X, a hemofilia afeta quase exclusivamente os indivíduos do género masculino. A terapia de substituição permite aumentar os níveis plasmáticos do fator VIII, corrigindo temporariamente a carência do fator, assim como as hemorragias.[1]
 
Sobre a Takeda
A Takeda é uma empresa biofarmacêutica líder mundial, sediada no Japão, baseada em valores e orientada para a I&D. A Takeda em Portugal foca os seus esforços em quatro áreas terapêuticas: Oncologia, Gastrenterologia, Hemofilia & Plasma e Doenças Raras Genéticas. Também investimos em I&D direcionada para Neurociências e Vacinas. Estamos focados em desenvolver terapêuticas altamente inovadoras que façam a diferença na vida das pessoas, superando fronteiras com novas opções terapêuticas e impulsionando o nosso forte sistema colaborativo de I&D e competências para criar um pipeline robusto e diversificado. Os nossos colaboradores estão empenhados em melhorar a qualidade de vida dos doentes e em trabalhar com os nossos parceiros nos cuidados de saúde em aproximadamente 80 países e regiões.
 
Para mais informação, visite www.takeda.pt

?Este medicamento está sujeito a monitorização adicional. Isto irá permitir a rápida identificação de nova informação de segurança. Pede-se aos profissionais de saúde que notifiquem quaisquer suspeitas de reações adversas.
 

Referências: 1. Adynovi® Resumo das Características do Medicamento. Agência Europeia de Medicamentos (EMA). https://www.ema.europa.eu/en/documents/product-information/adynovi-epar-product-information_pt.pdf.  Último acesso em Setembro de 2019

Tags:

Sobre nós

A Takeda é uma companhia farmacêutica mundial, orientada para a investigação e desenvolvimento, empenhada em proporcionar melhores cuidados de saúde e um futuro melhor aos doentes, convertendo a ciência nos medicamentos que mudam a vida das pessoas. A Takeda centra os seus esforços de I&D na Oncologia, Gastrenterologia e Doenças Raras. Está focada em desenvolver terapêuticas altamente inovadoras que façam a diferença na vida das pessoas. Os seus colaboradores estão empenhados em melhorar a qualidade de vida dos doentes, desenvolvendo atividade em mais de 80 países e regiões.

Subscrever